quarta-feira, 8 de abril de 2009

Educação sentimental

Eu ando tão nervosa pra te escrever,os versos mais profundos...

Por Juliana Portella

Você chegou assim tomando conta de mim
Como uma poesia apresentou-se intenso, tênue
A paixão foi evidente
A saudade chega de repente

Como se o fim do mundo fosse amanhã,
quase que de forma bruta,
me entreguei .

Não tive medo
Tive um desejo:
amar,
e amei .

Fui feliz demais
Por uma noite apenas..
e agora não sei

O fim desse amor platônico que criei
Quero seguir teus passos
Preciso do seu dia-a-dia
Mas teu dia-a-dia não é meu

Tu és tu
Eu sou eu
E juntos podemos ser um só.

~ [ Como se não passasse de um encontro casual ... ]


6 comentários:

Aline Ramos disse...

Nossa amigah, já tá assim???

Tálison Vasques disse...

Amor... estar certo de algo mas não saber oque fazer.

Anônimo disse...

lindo...


beijos DÉ

Eline Vieira disse...

lindo,lindo,lindo
você consegue fazer com que nossa realidade vire uma coisa surreal
parabens linda vc escreve mto bem, continue assim.
beijos te gosto muito

Anônimo disse...

tá apaixonada Presidente ?

[Dé] disse...

A Oração da Gestalt

Eu faço minhas coisas, e você faz as suas.
Eu não estou neste mundo para viver as suas expectativas.
E você não está neste mundo para viver as minhas.

Você é você, e eu sou eu,

E, se por acaso, nós nos encontrarmos, será ótimo.

Se não, nada se pode fazer.