domingo, 6 de junho de 2010

Pôr do sol

Por Juliana Portella

É peculiar,
é inevitável não se apaixonar.

O amarelo ouro vem nascendo,
assim como esse nosso sentimento.

Nuvens solitárias,
dão lugar a um brilho que parece eterno.

É unico!
É mágico!

O milagre da natureza de tamanha harmonia,
é feito esse amor que enche minha vida de alegria.

Quem me dera essa dádiva por toda eternidade,
eu viveria na mais completa felicidade.

 Meu sol, girassol,
meu pôr do sol!

Um comentário: